Devlog #5 – O Despertar do Sertão!

 

image

 

ÁRIDA: BACKLAND’S AWAKENING!

Após anunciarmos o título da saga, apresentamos o subtítulo da primeira parte – Árida: O Despertar do Sertão.

Um subtítulo que se conecta com a nossa proposta narrativa e também com a forma pela qual desejamos representar o ambiente sertanejo. 

image

Versão da marca com subtítulo em inglês

 

Com foco na vivência da jovem Cícera no cotidiano sertanejo, esse primeiro jogo introduz o universo ficcional e apresenta as principais mecânicas que servirão como base para o desenvolvimento dos demais jogos.

image

Representação da mecânica de buscar água com a enxada.

 

EXPLORAÇÃO E CONTEMPLAÇÃO NO LEVEL DESIGN

Houve um grande foco inicial na iteração e na ampliação dos levels, definindo landmarks, novos pontos de interação e demais indicadores que servem de orientação ao jogador.

As versões primárias do level exploravam poucas opções de texturas e objetos de cenários, além de uma espaço de jogo bastante plano. 

image

Top view de uma versão antiga do level

 

Nossas visitas ao sertão, novas pesquisas e o próprio desenvolvimento do projeto permitiram a ampliação de repertório da nossa linguagem visual.

Explorando os contrastes entre as texturas, buscamos estabelecer uma linguagem que defina o fluxo principal da aventura ao mesmo tempo que estimule uma exploração livre. 

image

Top view de uma das versões iniciais do level

 

Ao longo do desenvolvimento, usamos cada vez mais a contemplação do horizonte como um elemento de reforço à imensidão do ambiente, pois além de estimular a exploração, essa é uma estratégia que oferece alternância e antecipação à experiência de jogo. 

image

 

O uso de relevos, diferentes planos e limites de cenário variados adicionam dinamicidade à movimentação do jogo ao mesmo tempo que define uma melhor verossimilhança com o sertão da vida real.

Vale citar também alguns elementos interativos que não afetam diretamente o sistema mas que reforçam a narrativa e a definição da estética, além de servir como pontos de interesse para os jogadores.

image
image

 


CAMPUS PARTY 2018!

Em 2018, estivemos no Espaço Games da Campus Party Bahia, uma parceira entre a BIND (Bahia Indie Game Developers) e a Campus Party (um dos maiores eventos sobre tecnologia do mundo).

Foi um ótimo espaço para colher feedbacks dos jogadores, atrair parceiros, mostrar o jogo para novas pessoas e colocar parte da equipe de desenvolvimento em contato com o público! 

image

Membros da Aoca durante a CP 2018. Da esquerda para a direita: Bigod Silva (artista), Vinícius Santos (designer), Victor Cardozo (diretor de arte) e Filipe Pereira (game designer e gerente de projetos).

image

 

PLAYTESTS

Por último, realizamos uma bateria de testes com os alunos da Graduação Tecnológica de Jogos Digitais da UNEB (Universidade do Estado da Bahia), local onde a Aoca Game Lab funciona fisicamente. 

image

 

Os feedbacks foram valiosíssimos para o projeto e para a equipe, além de permitir uma maior integração da Aoca com esse grupo que faz parte da nova de geração de desenvolvedores do estado da Bahia!

Nos vemos no próximo post! 🌵😉

 

image
image
image

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *